DESTAQUES

O importante papel da leitura no desenvolvimento infantil

Imagem: opovo.com.br

A criação do hábito da leitura, ainda na infância, ajuda no desenvolvimento pessoal, intelectual e profissional da criança; além de também proporcionar entretenimento, incentiva a criatividade e a comunicação

“A leitura é para o intelecto o que o exercício é para o corpo”, disse o poeta inglês Joseph Addison. A criação do hábito de ler ainda na infância é um importante fator para o crescimento. Além de estimular a criatividade, a leitura ajuda no desenvolvimento da memória, da comunicação e da lógica e auxilia na formação do senso crítico.

O brasileiro lê, em média, 1,8 livros não acadêmicos por ano. De acordo com estudo realizado pela Unesco entre 52 países, o Brasil é o 47º país que menos lê. Isso se deve, em grande parte, pelo alto nível de analfabetismo funcional, mas também por conta da falta de incentivo da leitura por parte dos familiares, já que pesquisas mostram que crianças que testemunham seus pais lendo, tendem a se tornarem leitores.

Se você já reserva aquele tempinho para ler uma história para o filho antes de dormir, além de oferecer mais atenção a ele, está contribuindo com a criação de um hábito que só tem pontos positivos. É importante também despertar o interesse da criança com diferentes histórias, mas com o cuidado de não transformar aquilo em uma obrigação.

Além proporcionar entretenimento, ler incentiva a criatividade e a comunicação. (Imagem: pixabay.com)

Hoje em dia, com a tecnologia, as crianças estão mais interessadas em celulares e videogames do que com livros. Cabe então à família e escola criarem o hábito de ler nos menores. De acordo com a psicopedagoga Silvânia Salome, os pais devem mostrar interesse pelos livros, já que eles servem de exemplo para os filhos. “O incentivo é tudo”, comenta a profissional.

Para a bibliotecária Deysemar Carvalho, o gosto pelos livros começa em casa. “A contação de histórias é o primeiro passo para a criança começar a se interessar pela leitura”, diz. De acordo com ela, a escola deve dar continuidade ao hábito e que os professores devem passar livros didáticos, mas também abrir espaço para outros tipos de livros nos quais as crianças podem ter mais interesse.

Crie uma rotina de leitura

É importante introduzir a leitura de forma leve e natural na rotina dos filhos. Não deixe que eles vejam essa atividade como apenas mais uma obrigação. Observe quais são os gêneros preferidos deles, separe um momento do dia para conversarem sobre a história, criando uma interação sobre a temática. É necessário transformar a leitura em algo prazeroso para eles.

Existe uma idade certa para inserir a leitura?

“O hábito deve ser criado pelos pais desde a infância, o quanto mais cedo melhor, respeitando o nível de aprendizagem da criança e oferecendo livros que chame atenção de forma prazerosa para seus filhos”, diz a psicopedagoga Silvânia.