DESTAQUES MEIO AMBIENTE SAÚDE Sustentabilidade

Anvisa anuncia proibição de termômetros e aparelhos de pressão com mercúrio A partir de 2019 fica proibida a fabricação, importação e comercialização dos produtos

A  Anvisa  aprovou uma resolução que proíbe a comercialização de termômetros e aparelhos de medir pressão que utilizam mercúrio. Desde 1º de janeiro de 2019 os produtos de saúde que contém mercúrio foram proibidos na convenção de Minamata. Essa convenção foi assinada pelo Brasil e mais 140 países em 2013 e tem como objetivo eliminar o uso de mercúrio em diferentes produtos como pilhas, lâmpadas e equipamentos para saúde, entre outros. De acordo com a Anvisa, a proposta de proibir o uso desses equipamentos no país faz parte do compromisso do Brasil de banir produtos com mercúrio até 2020.

Resultado de imagem para TERMOMETRO DE MERCÚRIO

Os aparelhos têm uma coluna transparente, contendo mercúrio no interior, com a finalidade de aferir valores de temperatura corporal (no caso do termômetro) e pressão arterial (no caso do esfigmomanômetro).