POLITICANDO

21 de Março, dia contra a discriminação racial No Brasil esta luta se intensificou após a Constituição Federal de 1988, que incluía o crime de racismo como inafiançável e imprescritível.

Por Márcia Carol Bispo/2pDigital

O dia internacional contra a discriminação racial é celebrado anualmente em 21 de março. Esta é uma data que reforça a luta contra o preconceito racial em todo o mundo.

No Brasil esta luta se intensificou após a Constituição Federal de 1988, que incluía o crime de racismo como inafiançável e imprescritível.

O racismo consiste no ato da discriminação com base em percepções sociais baseadas em diferenças biológicas, culturais, religiosas e econômicas. Infelizmente essa é a realidade do mundo, uma realidade triste e difícil de ser suprimido.

O combate a esse tipo de preconceito deve ser travado por meio da educação que deve servir como parâmetro de compreensão do mundo e das diferenças, tendo sempre como objetivo a afirmação da igualdade de direitos e deveres que todos temos uns com os outros, independente de sexo, gênero, cor, orientação sexual, crença ou situação econômica.

Além disso, é necessário que haja uma conscientização intima, sobre vale a pena ser preconceituoso? Vale a pena inferiorizar uma pessoa por ser diferente de outra? O que  um racista se beneficia com o ato da discriminação? Pra que distribuir o ódio?

O mundo precisa de paz, amor, e com atitudes do bem que o mundo será melhor, comece por você a semear o amor, coisas boas atraem coisas boas. Não faça com o outro o que você não gostaria que fizesse com você.